Crianças até 10 anos

A vacina contra o HPV está incluída no Programa Nacional de Vacinação (PNV) para as raparigas de 10 anos.

Desde outubro de 2020, os rapazes nascidos a partir de 2009 podem fazer a vacina gratuitamente, no âmbito do Programa Nacional de Vacinação.

Rapazes não contemplados no PNV

Durante muito tempo só se associava o HPV ao cancro do colo do útero, no entanto não é assim! O HPV é um vírus que se pode transmitir facilmente durante qualquer tipo de contacto sexual/genital ou oral. Por isso, os rapazes, tal como as raparigas, podem ficar infetados através de atividades sexuais, sejam elas com ou sem penetração.

Assim, e numa perspetiva de prevenir lesões e cancros associados ao HPV, a Comissão de Vacinas da Sociedade de Infecciologia Pediátrica e da Sociedade Portuguesa de Pediatria recomenda a vacinação contra o HPV, a todos os adolescentes do sexo masculino que não estejam incluídos na vacinação gratuita do Programa Nacional de Vacinação (PNV).

Existem exceções no PNV para garantir que todos os rapazes nascidos após 1 janeiro de 2009 recebem a vacina gratuitamente. Por exemplo, os que tiverem já iniciado a vacinação individualmente (receitada pelo médico) podem agora levar a 2ª dose, gratuitamente, no Centro de Saúde. Mesmo os rapazes que, por algum motivo, não sejam vacinados com 10 ou 11 anos, podem continuar a ir ao Centro de Saúde e fazer a vacina gratuitamente, desde que seja antes de completarem os 18 anos.

Raparigas até aos 17 anos

Nas raparigas, o PNV prevê ainda que seja possível fazer a vacinação gratuita case esta se inicie até aos 17 anos de idade. Na eventualidade de a rapariga só ter feito uma dose até aos 17 anos, ainda pode terminar o esquema de vacinação gratuitamente até aos 26 anos.

Como prevenir

Quiz

Testa aqui o teu conhecimento sobre HPV.

Escolhe a área Rapariga | Mulher ou Rapaz | Homem.